lagesfesta

BONFINÓPOLIS MANTÉM O POSTO DE MAIOR ICMS CULTURAL DO NOROESTE MINEIRO

Por mais um ano consecutivo, o Município de Bonfinópolis de Minas se mantém como o maior ICMS Cultural do Noroeste Mineiro.

Esse resultado deve-se, primeiramente, ao trabalho desenvolvido pelo CMDPHC (Conselho de Defesa do Patrimônio Hisórico e Cultural de Bonfinópolis de Minas) em parceria com a Administração Municipal, que juntos, garantem a preservação e a manutenção dos nossos bens culturais.

montagem

Bonfinópolis recebeu uma pontuação de 10,70 e está à frente de cidades como Paracatu que tem um grande acervo cultural e histórico(pontuação 6.95), João Pinheiro  (Pontuação 7.25), Uruana (pontuação 4.85), Buritis (Pontuação 0,00), Chapada Gaúcha (pontuação 9.61) e até de Ouro Preto, que não está na nossa região, mas possui um dos maiores acervos culturais e históricos do Brasil (Pontuação 3,15). Essa pontuação ainda é provisória, podendo aumentar em decorrência de alguns recursos que o Município apresentou.

143363408494404800

A pontuação do ICMS cultural é calculada a partir de avaliações do IEPHA (Instituto Estadual de Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais) sobre as ações desenvolvidas pelo Setor de Cultura. Um dos pontos principais para a avaliação é o grau de comprometimento do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico e Cultural, a frequência nas reuniões e atuação do mesmo, que no caso da nossa cidade é extremamente atuante, não medindo esforços para que todas as ações propostas sejam realizadas. O restante da pontuação vem através dos projetos de Educação Patrimonial e Democratização da Cultura, além dos investimentos do Fundo Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural aplicados na preservação e manutenção de bens materiais e imateriais.

conselho2015